Blogger Template

«Em 2100, a maioria dos falantes de português será africana» — Novo Atlas da Língua Portuguesa

in Público, Cultura, 15 de novembro de 2016


Se as projeções demográficas das Nações Unidas vierem a confirmar-se, o número de falantes de português no mundo não só aumentará substancialmente (...), como a geografia da língua se alterará de forma radical com o brutal crescimento demográfico previsto para Angola e Moçambique (...). Este é um dos dados mais surpreendentes do Novo Atlas da Língua Portuguesa organizado pelo ISCTE (...).

Uma publicação conjunta da Imprensa Nacional-Casa da Moeda, do ISCTE e do Instituto Camões, em edição bilingue (português-inglês) destinada a ser um «cartão-de-visita» do português e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), considerando que o português é atualmente a 4.ª língua mais falada no mundo (atrás do mandarim, do espanhol e do inglês), a 5.ª mais utilizada na Internet (depois do inglês, do chinês, do espanhol e do árabe) e a 3.ª no Facebook (a seguir ao inglês e ao espanhol).

O estudo debruçou-se sobre grandes temas, como a história da língua, a geografia e a demografia, o ensino do português no mundo, a expressão económica dos países de língua portuguesa, o português como língua de cultura, ciência ou negócios, e a presença do português na Internet.

Quando se detalha por países, Cristiano Ronaldo é a personalidade portuguesa com maior número de seguidores no Facebook, e José Saramago, Fernando Pessoa, Eça de Queirós e António Lobo Antunes os autores mais traduzidos.

Ler artigo completo aqui.

https://drive.google.com/open?id=0B1TJkxizP5WuNzRCb1IyMmZQdTQ


 






Luís Antero Reto,
Fernando Luís Machado
e José Paulo Esperança
NOVO ATLAS DA LÍNGUA PORTUGUESA
Edição bilingue PT-EN
Imprensa Nacional-Casa da Moeda,
ISCTE e Instituto Camões
Outubro de 2016



0 comentários :

Enviar um comentário

Mais

Outros