Morreu Maria Helena Mira Mateus, linguista e antiga vice-reitora da Universidade de Lisboa



Linguista, professora catedrática jubilada na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL) e antiga vice-reitora desta Universidade, Maria Helena Mira Mateus faleceu esta na segunda-feira, dia 30 de março, aos 88 anos.

Maria Helena Mira Mateus nasceu em Cascais, em 1931. Licenciou-se em Filologia Românica e doutorou-se em Linguística, em 1974, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde foi professora de 1965 até 2000. Fundou e foi presidente do Instituto de Linguística Teórica e Computacional.

Maria Helena Mira Mateus foi coautora da Gramática da Língua Portuguesa, desde a primeira edição, em 1983. Dirigiu a Revista Internacional de Língua Portuguesa de 1988 a 1997. Esteve à frente do grupo português do Projeto de Tradução Automática da CEE, EUROTRA, que determinou o início de projetos de processamento informático da língua portuguesa.

Com a Imprensa Nacional Maria Helena Mira Mateus publicou, em 2002, A Face Exposta da Língua Portuguesa.

Em 2003, a Imprensa Nacional publicou, em dois volumes, Razões e Emoção - Miscelânea de Estudos em Homenagem a Maria Helena Mira Mateus, que contou com organização de Ivo Castro e Inês Duarte.


A Imprensa Nacional lamenta, com profundo pesar, o desaparecimento da Professora Maria Helena Mira Mateus, expressando desde já os mais sentidos pêsames à familia e amigos.

0 comentários:

Publicar um comentário